• Whats Vendas:
    Segunda a Sexta, das 8h às 17:40
16 set 2015

Como montar uma caixinha de remédios

Não tem nada mais chato do que passar o dia todo com incômodos e mal estar, né? Dor de cabeça, cólica ou indigestão, essas coisinhas podem estragar o dia de qualquer um. A indisposição toma conta e fica difícil sair de casa, ir trabalhar ou ir pra aula. Por isso, é legal ter em casa uma caixinha de remédios para essas emergências.

Uma maletinha com alguns itens ajuda a curar logo os sintomas leves. Claro que essa farmacinha é só para facilitar em casos como dores e desconfortos. Mas se o assunto for mais sério e os sintomas forem graves é essencial procurar um médico para diagnosticar corretamente a sua doença, beleza?

Então, para você ficar preparada para os incômodos eventuais, fizemos uma listinha com alguns itens que são básicos para a sua caixinha. Dá uma olhada:

Remédios
– Analgésico (para dores)
– Antisséptico (para desinfetar ferimentos na pele)
– Anti-inflamatório (para inflamações)
– Antitérmico (para febres)
– Antigripal (para gripes e resfriados)
– Antiácido (para azias e desconfortos estomacais)
– Pomadas cicatrizantes (para ferimentos e queimaduras)
– Soro fisiológico (para limpeza de olhos e ferimentos)

Auxiliares
– Curativo adesivo (Band-aid)
– Esparadrapo
– Gaze
– Fita microporosa hipoalergênica (Micropore)
 – Algodão
– Cotonete
– Termômetro
– Tesourinha

Bom, agora acho que você já está prevenida para qualquer emergência. É muito importante estar frequentemente atenta ao prazo de validade dos remédios. Não devemos consumir nada vencido, pois o remédio pode não ser eficaz e até mesmo prejudicar o organismo. Outro detalhe imprescindível é cuidar o lugar de armazenamento da caixinha. O ideal é que seja em um local seco e arejado, para não comprometer a composição dos remédios.

Tudo bem que você já está pronta para qualquer urgência simples, mas o melhor mesmo é prevenir para que nada pegue você. Então, se cuida ein?

Até a próxima! 😉

Deixe seu comentário Nenhum Comentário